Atendimento

(33) 3522-6677

Quem era Synval Handeri

  • 27 / 10 / 1938 + 12 / 01 /2024

Nascido em 27 de outubro do ano de 1938, Synval Nobre Handeri, ou SYNVAL HANDERI, como é mais conhecido pelos amigos e admiradores, era filho de Rachid Salomão Handeri e Maria Nobre Handeri. Seu pai, um imigrante libanês que logo se destacou pela paixão em empreender, fez de Teófilo Otoni o seu lar e até fundou, em 1941, quando SYNVAL tinha apenas dois anos, a Associação Comercial e Empresarial (ACE) de Teófilo Otoni. Foi nesse ambiente que cresceu SYNVAL, cercado de valores morais e princípios que nortearam toda a sua vida, desde à juventude, até à sua morte aos 85 anos.

Atleta, SYNVAL praticava várias modalidades esportivas, e, ao associar sua paixão pelos esportes à sua inquestionável competência para gerir, foi presidente do Automóvel Clube de Teófilo Otoni, do Palmeiras Country Clube, além de participar ativamente de vários outros.

Apaixonado pelas suas raízes, presidiu o Clube Libanês, tinha forte presença em clubes de serviço como Lions Club e Rotary Club, além de ser um grande apoiador e benfeitor do Clube da Maturidade e tantos outros projetos sociais.

Como empresário visionário, era dono de quatro lojas: Marcell Sports, Radical Sports, Planeta Sports e Kanal. Sempre gentil e atencioso, seus funcionários o admiravam e muitos até o tratavam como um segundo pai e amigo.

Empreendedor social, era um verdadeiro baluarte da causa do desenvolvimento socioempresarial de nossa cidade e região. Um homem verdadeiramente à frente do seu tempo. Além do seu pai, seu irmão Sélem Handeri também presidiu a ACE. Em 2011 SYNVAL, que já havia passados por quase todos os cargos da entidade, foi convidado a presidi-la, mas por estar à frente do Sindcomércio à época, apoiou a indicação do amigo Dinaldo Bartolomeu, da Graffite, do empresário Ricardo Bastos Peres como presidente, que em seguida foi eleito, sempre contando com o apoio de SYNVAL.

Chegou a ser conselheiro do SESC e da Fecomércio, além de ser um dos criadores da FICON, que depois se tornou EXPONOR, a maior mostra empresarial do Nordeste Mineiro, e uma das maiores do interior do Estado e do Brasil.

Mais do que tudo isso, no entanto, SYNVAL sempre será lembrado como um ser humano fantástico, altruísta, solidário, gentil, educado e conciliador. Sentiremos sua falta. Saudade.

Ao falar sobre ele, o presidente da ACE, Ricardo Bastos Peres, assim se expressou: “Conheci ao longo da minha vida muitos homens íntegros, muitos homens competentes, homens dignos, proativos e fortes… mas conheci poucos que reuniam todos esses adjetivos. SYNVAL, sem sombra de dúvidas, foi um desses”.

À esposa Maria Nair Comarella Handeri (dona Naná) e aos quatro filhos do casal, a ACE-Teófilo Otoni estende as nossas mais profundas condolências. Que Deus os conforte neste momento de luto e dor.

Filho do fundador da ACE, Synval sempre participou ativamente do dia a dia da entidade
Synval, quando da fundação da FICON, que depois se tornaria EXPONOR
Synval e o então presidente da ACE João Ramos ao lado do presidenciável Ciro Gomes, que tinha sido ministro da Fazenda quando da implementação do Plano Real
Synval durante a primeira edição da EXPONOR, agora como evento mais amplo
Synval em evento empresarial da ACE
Em 2011 Synval apoiou a indicação do nome de Ricardo Bastos Peres para presidir a ACE
Ricardo Bastos, Tião da Jhiane e Synval Handeri, três pilares da ACE
Synval discursa durante o evento de resgate da Exponor, em 2013
Ao lado do presidente da ACE, Ricardo Bastos, Synval concede entrevista à imprensa comentando a importância do resgate da EXPONOR
Ao lado do presidente da ACE, Ricardo Bastos, Synval concede entrevista à imprensa comentando a importância do resgate da EXPONOR
Compartilhe esse Post

Posts Relacionados